Newborn Cunha Porã

Bebê Arco-íris

Acho que quando falamos em ensaio newborn, as mães já pensam nos primeiros registros do meu recém-nascido. Mas além de tudo isso, tem sim, uma técnica de poses, ângulos e enquadramentos.

Nesse ensaio eu me propus a esquecer um pouquinho desse lado e realmente registrar de uma forma que isso fosse ter o sentido pra essa mãe. Juntas em uma reunião, conversamos sobre a sua história e ela me pediu que o newborn fosse guardar um pouco do que ela passou.

E com isso, apresento a vocês BETINA, ela é linda de mais, tinha 10 dias no ensaio newborn, e ela realmente veio para trazer paz e alegria aos corações dessa família.

Aliás depois da tempestade sempre tem um arco-íris.



...

Segue o relato da mãe: Mariéli Comparin

                          Relato de gestação e parto da Betina nossa bebê Arco-íris

A história da Betina começa muito antes da sua gestação e nascimento.

No início de 2019 ainda em processo de luto pelo aborto espontâneo que sofremos, recebi a notícia de uma prima querida que havia sido diagnosticada com Trombofilia Genética e que existia a possibilidade de mais mulheres da família possuírem essa condição.

Minha intuição já dizia que o resultado seria positivo. E assim foi! Ao realizar os exames foi confirmado o diagnóstico.

Começa aí meu empenho em estudar e conhecer mais sobre esse assunto, pois a insegurança e o medo estavam presentes. Nesse processo de pesquisa e conhecimento, minha irmã Lilian também já havia sido diagnosticada com a Trombofilia Genética e me indicou para uma avaliação com o Dr. Ederson Pasqualotto. Desde a primeira consulta foi atencioso e tirou todas as dúvidas existentes. Transmitiu uma segurança incrível o que motivou e fez ver que não seria por causa da trombofilia que não teríamos filhos.

Foi necessário um processo de aceitação, preparação e desenvolvimento emocional para enfrentamento dessa condição, pois para o tratamento é necessário todos os dias injeções de anticoagulante, além de outras medicações que no meu caso se fizeram necessárias.

No mês de setembro eu e meu marido Anderson entendemos que estávamos preparados para esse desafio, e em outubro o teste de gravidez deu positivo. Ainda sem ouvir o coraçãozinho do bebê iniciei as "picadinhas de amor".

Os meses foram passando com mistos de emoções, os desafios sendo superados. Tudo foi se ajeitando e correndo bem durante a gestação.

Chegou o grande dia!

Dia 23/06 vem a esse mundo nossa luz. Betina nasce e nos deixa apaixonados!

Nossa bebe arco-íris! São chamados assim, os bebês que nascem para fechar um ciclo do sofrimento de abortos anteriores e da gestação difícil. Depois da tempestade de chuva, o sol transmuta cores perfeitas nos últimos respingos da água formando o arco-íris.

O sentimento que fica é Gratidão, a Deus e aos anjos pela proteção! A Betina por ter nos escolhido como pais.  Ao meu marido Anderson pelo suporte sem igual, cuidado e amor que tens comigo e nossa filha. Ao Dr. Ederson pelo acompanhamento, profissionalismo que nos ajudou trazer ao mundo nossa filha. A minha prima que compartilhou essa notícia conosco e evitou ainda mais sofrimento. A minha irmã (tia e dinda) pelo amor incondicional por mim e pela Betina, seu apoio e sua força e amor são fundamentais para nós. A nossa rede de apoio, família e amigos, que não nos abandonam nunca. Consultora Carla, que nos dá todo suporte com nossa bebê com toda dedicação e carinho principalmente na amamentação. A Dra. Carina sempre humana com muita sensibilidade nos cuidados com nossa bebê. A Fotografa Deni, que fez o ensaio de newborn mais lindo, com uma empatia sem igual com nossa história e me motivou para escrever esse depoimento.

Não esqueçam depois da tempestade vem o arco-íris. Muita luz a todos.

Marieli Comparin

Junho/2020